Qual o problema com o poliéster?

Num mesmo dia eu respondi esta pergunta três vezes por conta de uma foto que postei no instagram(me segue lá @blogsenhorita), de uma camisa da C&A. Acho que a minha descrição também colaborou para este tipo de pergunta: “Tava qse esquecendo, tb gostei desta camisa, mas ela é de poliester… Ai ja viu ne? Tb da @cea_brasil. Achei super válida a pergunta e vou explicar umas coisas sobre o poliéster que muita gente não sabe e é bom saber na hora de comprar e entender certas coisas que acontecem com a roupa da gente.

poliester

Na Wikipédia tem uma explicação (química) sobre o que é o poliester. Tem o sintético e o natural, mas o que está mais próximo é o sintético, como as garrafas de plastico, material isolante como os enchimentos de almofadas e as roupas. Ai que entra a nossa conversa, geralmente, nas etiquetas lindas os nomes sugeridos são chiques (tipo crepe de seda) e ai a gente passa batido na etiqueta de composição, aquela interna que incomoda pra chuchu. No final das contas, a sua roupa é de fibra natural ou sintética, ou até uma mistura entre as duas coisas.

image (5)

As fibras naturais (algodão, linho, alguns tipos de seda e lã) são agradáveis ao toque, esquentam menos, se bem cuidadas duram muito e evitam cheiros desagradáveis. Porém amassam demais, são difíceis de passar, não fixam bem as cores e podem desbotar (nada deixar de molho na água nem esturricar no sol) e são mais caros.

Os sintéticos (viscose, raion, nylon, acetato, poliester, acrílico, poliuretano, elastano, poliamida) secam com facilidade, amassam pouco, mais leves, mantem a cor por mais tempo, algumas fibras esticam e são mais baratos. Em parte, eles esquentam muito, as cores claras tendem a amarelar, podem provocar cheiros desagradáveis, são mais frágeis a movimentos bruscos e calor (nada de ferro quente!), com o atrito, podem aparecer bolinhas. A viscose é um sintético natural, obtida através da celulose, também é conhecida como seda javanesa.

image (6)

Belê! E agora José? Quando a gente vai comprar roupa, deveria ter umas perguntinhas internas antes de sacar o cartão. Além daquelas clássicas “eu preciso disso?” e “quantas produções eu consigo montar com o que já tenho?”, pensar na composição, uso, clima, custo e tendência pode ser uma boa. Se você mora num lugar super quente e vai usar a roupa num lugar sem ventilação legal, o melhor é optar por fibras naturais ou então uma mescla com sintético, mas que este seja em menor proporção. Se a sua empregada ou até mesmo você não tem tempo de passar roupa, tem que ser correndo, então o sintético é uma boa. Se você tem que manter uma apresentação impecável, vale a pena investir no sintético. O desodorante vence com facilidade? Use fibra natural, ela vai absorver o suor e evitar a umidade na pele e procriação de bactérias.
Eu tenho roupas de materiais variados, aqui em BH tá quente eu evito o que é 100 % sintético, mas procuro peças que tenham um equilíbrio entre tipos de fibra para não chegar toda amassada. Também deixo uma verba para investir em itens de qualidade. Se é de modinha, eu compro fibra artificial sem pesar na cabeça nem no bolso, mas se é algo que quero manter no meu armário por um tempo maior, procuro algo de qualidade e que usarei em todas as estações. São escolhas, mas é bom saber o que a gente tá comprando e as vantagens/desvantagens né?

Comments

comments

More about Camila Gomes

Camila Gomes é mineira, mora em Belo Horizonte e se formou em Artes Plásticas. Cresceu vendo sua mãe costurar e escutando histórias sobre sua avó estilosa. Acredita que a moda é um modo de se comunicar assim como cuidar da beleza é reservar um tempo para si. Mesmo que sejam apenas cinco minutos... Quer conversar mais comigo? Me mande um email! contato@srtasenhorita.com

7 thoughts on “Qual o problema com o poliéster?

  1. Mari FPNo Gravatar

    Camis e o chifon? A maioria das roupas do ebay e ali sao desse material… um beijo!

  2. camilasrtaNo Gravatar

    Mari,

    Na industria textil, o chiffon tem geralmente duas composições. Uma é de seda, que vem dos bichinhos da seda e custa caro pra chuchu e outra é o poliester, que é bem mais barato e imita o aspecto meio enrrugadinho que o natural tem…

    Estes do ebay são sintéticos, é muito raro inclusive encontrar o CS por ai…

  3. Jayane FereguettiNo Gravatar

    Ótimo post.
    Sempre comprei sem me preocupar com essa diferença.
    Agora vou passar a olhar a etiqueta de composição
    Bjos

  4. Reinaldo BatistaNo Gravatar

    As fibras são classificadas em: naturais, artificiais ou sintéticas. Exemplos de cada: algodão , rayon e poliéster.
    Abç

  5. Lilian forteNo Gravatar

    Queremos tecidos que não esquenta, porém não fazemos nada para evitar que a camada de ozônio seja preservada! Meu povo com este sol tão quente até pelada faz calor!!!

  6. Camila GomesNo Gravatar

    Uma coisa a ser feita é comprar menos. A produção estimula a industria que faz sem preocupação com o meio ambiente. Viu que as fábricas de jeans são grandes poluidoras de rios e esgotos? Por.conta da lavagem, elas jogam fora muitos detritos toxicos ?

  7. SimoneNo Gravatar

    tenho umas tshits de poliéster e elas ficam podre depois que vc soa. Estou revendendo umas 100% algodão. Quem se interessar me mande e-mail Symonynhamiga@hotmail.com

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *