Belorizontices: Inhotim para iniciantes

O Inhotim é museu de arte contemporânea localizado na cidade de Brumadinho (próximo a Belo Horizonte) que conta também com um jardim botânico incrível com muitas espécies de plantas. Vale a visita, reserve um dia para ver quase tudo. É pago e funciona de terça a sexta de 9:30 – 16:30 h e Sábado/Domingo de 9:30 – 17:30 h

Inhotim

Como Chegar: Para quem vai de carro, dica de amiga: vá pelo caminho da Avenida Amazonas. Ele é mais reto, o risco de se perder é menor já que os outros passam por bairros e cidades menores que a sinalização é um lixo. Tem a opção de ir de ônibus, ai tem que pegar na rodoviária (Terça a sexta-feira: saída às 8h15 e retorno às 16h30  | Sábado, domingo e feriado: saída às 8h15 e retorno às 17h30)

Inhotim é um museu ao ar livre, dependendo da época o sol é muito forte. Use tênis, boné, roupas confortáveis, protetor solar e leve um repelente caso seja alérgico. Existem lugares para descansar, mas sombras são poucas e a hidratação deve ser redobrada.

Inhotim

Lá no Inhotim você encontrará 3 restaurantes: Tamboril (buffet livre and caro, fechado as segundas), Bar do Ganso (só funciona nos finais de semana e oferece as mesmas coisas do Tamboril) e o Oiticica ( comida a quilo, funciona quarta e aos finais de semana). Lá tem um tanto de lanchonete com salgado, sandubas e opções fast food da vida. Recomendo almoçar fora do Inhotim (dá para sair já que você terá a pulseirinha de acesso, só nao a tire) e leve comidinhas/snacks e garrafa de água para completar ao longo do caminho nos bebedouros.

O museu conta com carrinhos para locomoção. Bom para áreas afastadas. É pago e existem rotas. O carinho leva de um ponto a outro, não de obras em obras. No mapa com as obras você também vai encontrar as rotas. Vale a pena pesquisar o que você quer ver e na hora selecionar no mapa para não perder tempo se sua visita for mais curta.

Inhotim

Lá também tem “lujinha”! Bom lugar para comprar souvenir mais original como as louças, livros, brinquedos educativos e algumas outras bobagens fofas que sempre impressionam! Não comprei nada lá, mas fiquei na vontade das xícaras para cafezinho. Nem achei tão caro para ser uma louça com queima especial.

Por se tratar de arte contemporânea, vale a pena ler as placas e explicações obre as obras para melhor entendimento e informação (mensagem da obra). Muita gente passa batido e só ficam nas obras “alegres”. Um dos papéis da arte é fazer pensar, criar um senso crítico. E tem gente que vem de longe para conhecer o Inhotim, não perca a oportunidade de aprender e viver um pouco desta experiência.

Inhotim

Minhas obras favoritas: Beam Drop Inhotim (Chris Burden),  Narcissus Garden (Yayoi Kusama), Ttéia (Lygia Pape), Desvio para o vermelho (Cildo Meireles), Panacea Phantastica (Adriana Varejão), Cosmococa e Penetravel (Helio Oiticica), Continente/Nuvem (Rivane Neuenschwander), True Rouge (Tunga), Forty part motet (Janet Cardiff).

Categoria: museu, cultura, gastronomia, compras, amigos, familia

Gasto médio: entrada 25 reais terça e quinta, quarta “de grátis”, sexta, sabado e domingo 40 reais. Estudantes, idosos e convênios de empresas pagam meia (no site tem a lista). Lanches e comidas oscilam…

http://www.inhotim.org.br/

Onde fica:

Rua B, 20. Brumadinho.

CEP 35460-000

Comments

comments

More about Camila Gomes

Camila Gomes é mineira, mora em Belo Horizonte e se formou em Artes Plásticas. Cresceu vendo sua mãe costurar e escutando histórias sobre sua avó estilosa. Acredita que a moda é um modo de se comunicar assim como cuidar da beleza é reservar um tempo para si. Mesmo que sejam apenas cinco minutos... Quer conversar mais comigo? Me mande um email! contato@srtasenhorita.com

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *